Bem vindos!

Resgatar a história de um móvel é manter nossas raízes. Renovar uma peça, da qual você está cansada, é dar uma nova chance ao que também tem história. Por mais que você pinte e renove, ela sempre terá seu desenho original, indicando uma época. Isso é respeito à nossa cultura e respeito ao meio ambiente.

Sandra Guadagnin

quarta-feira, 2 de junho de 2010

Restauração de móveis de época


Um tempo. Uma História. Tudo contado pelos veios fundos de uma penteadeira. Só quem vê além da aparência gasta e envelhecida, pode imaginar a utilidade e o romance desta peça.
A cristaleira de Pinheiro, onde avós guardavam as latas de biscoitos, que iam sumindo um a um, ou dois a dois, quando nós, netos, os visitávamos.
A cadeira marcada na mesa, lá ninguém podia sentar, com o risco de ser deposto, pois era o lugar do vovô.
A mesa de cedro rosa, com o tampo marcado em todas as direções, carimbada por mãos hábeis cortando a massa de domingo.
O velho quadro de família, feito por aquele ambulante que fotografava um a um, debaixo de uma árvore no quintal, para aproveitar melhor a luz do dia. E voltava dois meses depois com o resultado: a mãe maquiada, o pai de terno e gravata, as meninas de babados e os meninos com camisas de golas fechadas, todos com os cabelos impecáveis. O quadro exibia, por anos sobre o sofá da sala, o ideal de família. Até que algum filho, mais moderninho, abria os olhos da mãe quanto a decoração "demodèe". E lá ia o quadro para o fundo do armário, entre os lamentos silenciosos da matriarca.
Anos e anos se passaram. E alguns, provavelmente em um feriado chuvoso, abriram os armários, depósitos, sótãos e porões, e resgataram suas histórias, cada um a sua forma: fotografias, objetos, roupas, móveis... E trouxeram à tona lembranças que lhes traziam emoções. E foram selecionando, distribuindo entre os seus, as várias recordações encontradas. Uns davam mais valor àquilo que outros consideravam descartáveis. Admirações ao ver aquele objeto intacto, esperando sua vez de ser redescoberto. Aquela peça reencontra seu lugar de honra na sala, causando admiração aos quais tinham lembranças, e juntos montavam o quebra-cabeças.
Enfim, nossa história pode estar logo alí, no fundinho daquela última gaveta, aguardando nossa expressão de espanto e prazer, como num reencontro com um grande e velho amigo. Vá lá. Abra seus olhos, volte a infância, ao cheirinho de perfume guardado na lembrança mais remota. E depois me conte.


Grande abraço

Sandra Guadagnin

9 comentários:

  1. Sandra,parabéns!!!!!!!!!!
    Seu trabalho é lindo demais,amei o seu Blog!

    ResponderExcluir
  2. que coisa mais linda o seu trabalho.amei. to babando , só pelas fotos rsrsrsrs
    parabéns

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente com as amigas, suas peças ficaram incriveis, admiro muito a pessoa que tem essa criatividade, parabéns e sucesso.

    ResponderExcluir
  4. Oi Sandra acabei esquecendo de falar o funda da foto do meu perfil é uma parede decorada de peixinhos e algas que tem no Sesc Bertioga em S.Paulo, um lugar muito bonito, tenho bastante fotos de lá, adoro esse lugar.

    bjus
    Denise Sales
    capimsantoartesanato.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá Sandra!
    Queria pintar meu quarto de branco,ele é todo de madeira escura,mas falta coragem.rsrsrs
    Estou te indicando para participar de um "meme" no meu blog:
    http://recomecarepreciso2010.blogspot.com/2012/02/minhas-intimidades-mais-sincerasmeme.html
    Participa se quiseres,ok?
    Beijos!
    Elisa

    ResponderExcluir
  6. Olá Sandra

    Minha sala de jantar (balcão, mesa 6 cadeira, cristaleria e detalhes do sofá)é toda antiga de imbuia. No momento o tom dos móveis está muito escuro, então decidi retirar os vernizes, cera e impurezas, já limpei um balcão - ficou lindo...adorei rever a madeira e a cor também, bem mais clara. Gostaria de saber como reservar o móvel sem escurecer o tom da madeira. Gostaria que ficasse parecendo só madeira (mais para fosco sem brilho)como devo proceder? Posso apenas passar as camadas de seladora?
    Grata,
    bjs
    Tania de curitiba

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tania, me passe teu e-mail, não consegui localizar. Abraços

      Excluir
    2. saudades sandra daqui, tb vou voltar , assim poderei te acompanhar melhor, bjusss

      Excluir
    3. Fatti, dá saudade do que nos faz bem. Tenho muito carinho por todos com quem mantive e mantenho contato ao longo desses 7 anos de blog. Até ganhei a Fatti como amiga! Amigos são é o que há de melhor na vida. Beijos e estaremos muito mais próximas agora.

      Excluir

Olá! Deixe seu recado e espero te ver mais vezes por aqui.